A hora do impulso

Previdência, liberação do saque do FGTS… o Governo entende que esta é a hora da economia pegar no tranco.

Essa corrida pode criar um ciclo positivo se a confiança de fato corresponder.

O crescimento econômico gera confiança que por sua vez gera investimentos que fazem a economia crescer… e por ai vai.

Ameaça externa

O maior risco do Brasil agora é externo. Como o paìs ainda se encontra numa situação econômica fragil, uma mudança de ventos na economia global pode atrapalhar todos os planos.

Ha expectativa de queda nos juros pelos EUA, Zona do Euro e India… o que se traduz por uma previsão de crise futura.

Não é novidade, ja faz um tempo que uma crise global é esperada…

PIB e Inflação

O mercado finalmente interrompeu uma sequencia de 20 semanas com revisões negativas para o PIB brasileiro. A expectativa de crescimento para este ano que era de 3% em Abr/18 despencou para 0,8%.

O IPCA de Junho ficou em 0,01% e o acumulado em 12 meses a 3,37%. Com isso, o mercado reviu o IPCA para 3.78% para 2019.

Investimentos

Apesar disso, o Ibovespa mantém-se acima dos 100 mil pontos e os juros reais dos titulos publicos de longo prazo continuam valendo a pena. Investimentos em imoveis continuam no amarelo.

Força a todos! Vejo vocês no mês que vêm!

Abraços,

Riko Assumpção

 

Anúncios