No final de 2020, fui fazer uma visita a um site de produção em La Rochelle, uma cidade do Oeste da França, pela empresa que eu trabalho. Esse site produz TGVs, que são trens de altissima velocidade, metrôs e Tramways, que a gente chama tbm de VLT no Brasil.

Eu estava la para participar de um treinamento sobre produção lean… e acho que eu estava no lugar certo porque o diretor do site era um cara que passou décadas na produção da Toyota, que, como todos sabem, é o precursor do modelo lean de produção. Um outro, trabalho anos junto a Marc Onetto, uma lenda do modelo lean e que foi SVP de Operações da Amazon entre 2006 e 2013 – entre outros postos que ocupou na carreira.

E eu podia falar sobre diversas coisas – realmente poderia falar com prazer durante horas – sobre esse site de produção de La Rochelle, que é provavelmente o melhor no mundo no que fazem. 

O que impressiona é o engajamento de todos os empregados da empresa, desde os diretores ao chão da fabrica. Cara, eles sabem que são bons! E são orgulhosos por isso, querem mostrar a quem chega os métodos de trabalho, querem compartilhar as boas praticas. Então, por decisão propria, muitas vezes vão para a empresa no fim de semana sem serem pagos para preparar os materiais e botar a “casa em ordem”.

Claro, em outros lugares tbm tem pessoas assim. Mas, sinceramente, em que lugar todos são assim? E eu não to me referindo a uma pequena empresa de 20 ou 30 funcionarios. São milhares!

Résultat de recherche d'images pour "site de La Rochelle Alstom"

O site de la Rochelle bota em pratica o que diversos outros não conseguem. Eh como se fossem uma religião, um compromisso com a perfeição.

E ai é que esta o pulo do gato.

Porque perfeição não existe, e La Rochelle em que trabalha pessoas, humanos, como em qualquer outro site. Eh chão de fabrica, com blue collars, operarios mesmo. E que obviamente, cometem erros como eu, você, e os funcionarios de outros sites.

A diferença é a forma como os erros são tratados.

Nessa religião lean de La Rochelle, o mantra é “onde estamos errando?”, Eh a obsessão por encontrar erros. Descobri-los, deixa-los aparentes, comunicar aos demais, treinar quem precisa, corrigir os erros na origem deles, pôr em pratica os 5 porquês.

Ninguém é punido por errar. Ao contrario, todos são incentivados a descobrir erros no processo, erros proprios e dividir a experiência com o restante da fabrica porque pode ser que o mesmo possa estar acontecendo com outros funcionarios.

Eh uma busca incessante pelos erros e a busca por métodos de trabalho que deixem os erros aparentes para que sejam mais facilmente idenficaveis. 

Um erro so pode ser corrigido se antes identificado.

Eh um passo fundamental rumo à excelencia.

So que isso não é tão facilmente replicavel em qualquer lugar.

Poderia, deveria… deve até!

Mas tem que começar com uma visão, uma busca por um objetivo comum, um objetivo maior.

La Rochelle não valoriza os empregados com experiência mais do que incentiva aqueles que estão mais motivados e comprometidos com o resultado final. Eh a busca pela excelência, eles querem ser os melhores. Os melhores do mundo. Querem ser melhores do que eles eram no dia anterior.  

Encontrar erros é a chave para chegar la.

So que a maior parte das pessoas não encara isso dessa forma. Você fala em encontrar seus erros e elas pensam “e a minha auto estima? E a auto estima das pessoas?”

Elas pensam assim porque para elas o erro é um motivo de vergonha. Descobrir  que errou fere a auto estima delas, quando não deveria. Para essas pessoas, quem é realmente bom e competente não deveria cometer erros, não tem assuntos aos quais não saibam. Para elas, você não comete um erro, você se torna o erro. Errar mancha a sua imagem de forma indefinida. Um cara bom, competente, sabe tudo sobre tudo e não erra.

Bem, esse cara também não existe. 

Para quem se interessa no assunto, e ainda não leu, eu indico o livro “Mindset” da Carol Dweck que trata do assunto. Ou até o Principios do Ray Dalio que também era fanatico por descobrir os erros e tester suas teorias na empresa dele, a Bridgewaters.

Mas o fato é que o erro é uma parte importante do caminho. Conhecê-lo é o primeiro passo capaz de levar ao objetivo que esta buscando.

“Mantenha suas sombras à sua frente. Elas so podem te derrubar por detras.”

A todos um grande abraço!

Riko Assumpção 

_____

Henriquecer: Podcast do Riko Assumpção 

ANCHOR
APPLE PODCAST
GOOGLE PODCAST
SPOTIFY

Conheça meus livros: https://henriquecer.com/livros-do-riko-assumpcao/

Saiba mais sobre mim: https://henriquecer.com/about/

Acesse a Planilha de Planejamento Financeiro aqui: https://henriquecer.com/planilha-financeira-no-excel/

Henriquecer.com