O dinheiro ficou barato nesse novo Milênio. Desde os início dos anos 2000, a taxa de juros norte americana (taxa Fed) está em torno de 1% a.a. chegando ao pico de 5% a.a. pouco antes da Crise Financeira de 2008/09.

Tudo começou com a bolha das ações de empresas de tecnologia nos EUA no início dos anos 2000. Para evitar que esta crise financeira se transformasse numa crise econômica, o Fed reduziu as taxas de juros para em torno de 1% ao ano, o patamar mais baixo dos 40 anos que antecediam aquela data.

Em geral é mais ou menos assim que funciona: quando os Bancos Centrais querem estimular a economia e o emprego, eles baixam os juros. Quando devem combater a inflação, sobem os juros.

Esse é o dilema que vivem os banqueiros centrais pelo mundo afora. Porque é obvio que você quer uma economia pujante com inflação controlada. É o que todo mundo quer, mas as vezes a coisa desanda e você tem que escolher qual atacar. Não da para atacar ambos ao mesmo tempo.

Quando o Covid bateu o mundo em 2020, todos os bancos centrais correram para baixar as taxas e evitar uma catástrofe econômica. De certa forma, tiveram muito sucesso. Afinal, quem poderia imaginar que a economia global fosse sobreviver aos lockdowns generalizados e a pandemia de forma geral?

Mas alguns remédios trazem efeitos colaterais. O combate à crise economica do Covid acabou por consequência gerando uma bola de neve inflacionaria que não se via há muitas decadas nos países desenvolvidos. E combinado com a Guerra da Ucrânia, parece que essa inflação não irá passar tão cedo.

Então, os Bancos Centrais começaram a subir suas taxas de juros a fim de combater os efeitos da inflação no médio prazo.

Como os juros sobem devagarinho, pode-se supor que essa tendência possa se manter pelos próximos anos – a menos que uma recessão muito forte interrompa esse trajeto, o que seria o pior dos mundos: um cenário de estagflação (inflação alta + recessão, o que nós brasileiros conhecemos bem).

Trata-se de mais um momento delicado na economia global. Para o investidor PF, a renda fixa passa a se tornar mais interessante (particularmente, bom momento para Tesouro Selic e IPCA+). Mas para ser honesto, qualquer investimento se torna potencialmente mais rentável nesse cenário. Só não pode deixar dinheiro debaixo do colchão e MUITO MENOS SE ENDIVIDAR.

A todos, um grande abraço

Riko Assumpcao

_____

Henriquecer: Podcast do Riko Assumpção 

ANCHOR
APPLE PODCAST
GOOGLE PODCAST
SPOTIFY

Conheça meus livros: https://henriquecer.com/livros-do-riko-assumpcao/

Saiba mais sobre mim: https://henriquecer.com/about/

Acesse a Planilha de Planejamento Financeiro aqui: https://henriquecer.com/planilha-financeira-no-excel/

Henriquecer.com