HC0.8

Enfim, a bonança?

A coisa continua difícil aqui no Brasil. A questão é que a sensação que se tem hoje é de que a coisa parece ter ao menos parado de piorar. Dólar cai, inflação cai, o PIB começará lentamente a se recuperar neste segundo semestre, o desemprego começa a se estabilizar. Não é mil maravilhas, longe disso. Mas a sensação…

 

Na contramão…

A situação do Rio é a mais atípica. O pós Olimpíadas é um caos projetado. A situação é complexa, o município até que vai bem, mas o Estado está falido. As empresas do Estado estão falidas… o medo da violência tem aumentado… promessa de eleições municipais quentes.

 

Para não agradar nenhum dos lados

Partidarismos a parte. Aos que estão satisfeitos ou insatisfeitos com o governo Temer, vale lembrar a já batida afirmação: ele foi eleito na chapa do PT. Nem Temer e nem Meirelles são tucanos ou democratas… nada disso. Meirelles, inclusive, é tanto homem de confiança de Lula quanto de Temer. O atual ministro da Fazenda foi presidente do Banco Central durante 8 anos no Governo de Lula. Aliás, sem querer causar polêmica, o Governo Temer me parece muito mais próximo ao que foi o Governo Lula do que jamais foi o Governo Dilma. Opinião minha, é claro.

 

Dólar baixo

O dólar vem caindo numa velocidade espantosa. Ainda é cedo para atualizar o acompanhamento anual que faço da “cotação justa” mas se tivesse que chutar, o “dólar justo” estaria muito mais próximo de R$ 3,50 do que de R$ 3,25. Além disso, apesar da pintura de céu de brigadeiro no meu primeiro comentário aqui, vejo enormes riscos a frente. Talvez o maior deles seja o descontrole fiscal. Apesar de muito papo e muita expectativa, de concreto não houve absolutamente nada e sem sinais firmes de que irá ocorrer. É tudo muito incerto ainda.

 

Lição não aprendida

O mercado parece não querer acreditar num retorno de Dilma em agosto. É improvável? Sim, mas é possível. Lembrando que o dia antes do anúncio do Brexit, as bolsas no mundo todo subiram pela dificuldade do mercado em reconhecer esta possibilidade.

 

Recorde!

Em junho o Tesouro Direto registrou mais de 66 mil novos investidores cadastrados. Este é o maior número desde o início do programa. Sinal de que mais gente está entendendo os benefícios do programa.

 

O melhor investimento para o longo prazo

Na última semana escrevi um artigo só sobre isso. Apenas reforçando, na minha opinião, hoje não há investimento de longo prazo com a qualidade do Tesouro IPCA +. Se dinheiro fácil existisse, este investimento seria o mais próximo. A qualidade do investimento ainda foi reforçada pela ata do COPOM que saiu esta semana – depois de eu já ter publicado o artigo. Ou seja, o que era bom, está ainda melhor.

Para quem não leu, segue o link https://henriquecer.com/2016/07/24/o-melhor-investimento-para-o-longo-prazo-tesouro-ipca-ntn-b/

A todos, um grande abraço e até agosto!

Mail Box 3

 

 

Anúncios